A nova era espacial

Si Belle, La Science — Por em julho 8, 2012 as 18:26

São incríveis as naves, satélites, robôs etc. dessa nova era, da geração nano. Como se não bastassem os micros, os nano satélites são do tamanho de uma caixa de sapato e leves. E agora há uma nova geração ainda menor, os picosatélites. Pequeninos cubinhos com apenas 10 centímetros de lado. Incrível! E com a mesma tecnologia de ponta.

Como se não bastassem as sondas,  satélites e telescópios espalhados pelo Universo à procura de imagens e materiais, agora contamos também com um telescópio espacial que irá capturar imagens nítidas da porção extrema do nosso Universo.

Esse telescópio, nomeado Nustar, fará uma estimativa das estrelas colapsadas e buracos negros que estão além de nossa Galáxia. Será uma nova visão do Universo, pois os telescópios utilizados até hoje não possuem sistemas ópticos de focalização verdadeiros. Aguardem, que imagens ainda mais fantásticas estão por vir!

E há ainda o primeiro voo privado, que irá descer na Estação Espacial Internacional. A empresa Space-X lança seu primeiro foguete privado, o Falcon-9. Ah! Eu tinha me esquecido de comentar sobre a fabulosa Estação Espacial!

Sua montagem começou em 1998. Ela é fantástica e está numa órbita baixa, o que possibilita a visão a olho nu aqui da Terra. A ISS (International Space Station) é um grande laboratório espacial e conta com vários programas em conjunto com agências de diversos países: Agência Canadian, Agência Espacial Européia, Agencia Japonesa da Exploração Aeroespacial, Agência Espacial Russa e Administração Nacional de Aeronáutica e Espaço, a tão famosa NASA.

E para encerrarmos esse artigo com chave de ouro e para quem ainda não conhece, apresentarei o robonauta 2, intimamente conhecido por R2. Possui esse nome em homenagem ao robozinho tão amigável da série Jornada nas Estrelas. É o primeiro robô humanoide a viajar pelo espaço para onde foi conduzido pela nave espacial Discovery.

Tem tanta coisa ainda para contar que eu precisaria do site inteiro só para contar as novidades do espaço. A tecnologia espacial está cada vez mais…digamos, futurística e maravilhosa. Assombrosa também! Por isso, não podemos ficar fora dessas informações, não é mesmo?

Tags: , , , ,

1 Comentário

  1. fernando disse:

    O R2 se não estou enganado deriva do robô R2-D2 da série Star Wars – Guerra nas Estrelas.

    ÓTIMO SITE PARABÉNS

    [Responder]

Deixe seu Comentário